Médica, filho, irmão e mais dois que morreram em acidente serão sepultados em Tangará da Serra

O velório da médica Sônia Valadares dos Santos, de 44 anos, do filho, João Carlos Valadares Cidalio, 22, irmão, Marcos Valadares dos Santos, 46, Leice Cândida Oliveira dos Santos, 43, João Carlos Valadares e uma criança de 9 anos, iniciou hoje, às 5h, na capela da funerária Santa Cruz. O sepultamento será às 16h, no cemitério municipal Jardim da Paz, de Tangará da Serra (240 quilômetros de Cuiabá).

A família foi vítima de um acidente, no domingo, na área rural de Pimenteiras do Oeste (852 km de Porto Velho), em Rondônia. Eles tiveram as mortes constatadas no local, pelo Corpo de Bombeiros. Testemunhas relataram, que o veículo trafegava pela ponte do rio Santa Cruz, quando caiu na água. Moradores da região auxiliaram os bombeiros com um trator para retirada parcial do veículo da água.

Sônia era médica e servidora pública na Unidade Básica de Saúde do bairro Centro, de Ascurra (190 km de Florianópolis), Santa Catarina, há cerca de um ano. Em nota, a prefeitura do município prestou condolências a família. “Neste momento de profunda dor e pesar, a administração municipal manifesta aos familiares e amigos, expressando as mais sinceras condolências pela partida precoce. O Prefeito de Ascurra, Arão Josino, decretou luto de três dias pelo falecimento da servidora.”

A família era natural de Tangará da Serra e nas redes sociais, a prefeitura também lamentou a morte dos membros da família Valadares. “O prefeito Vander Alberto Masson decretou luto oficial de três dias. Neste momento de dor e enorme tristeza, a prefeitura municipal de solidariza com familiares e amigos. Que Jesus conforte os corações dos que hoje choram”, diz trecho da nota.

 

GALERIA DE FOTOS

Gostou? compartilhe
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM
plugins premium WordPress