Justiça determina recontratação de médicos cubanos do programa “mais médicos”

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região autorizou, em decisão na noite desta sexta-feira (27/01), a recontratação de profissionais cubanos do Programa Mais Médicos.
A medida terá que ser cumprida pelo governo federal. No fim de 2018, os médicos tiveram que retornar a seu país de origem depois que Cuba decidiu interromper o contrato com o Brasil. O novo governo já havia manifestado interesse de recomeçar o Mais Médicos.
Agora, a decisão judicial acelera etapas porque impõe que todos os 1.789 cubanos demitidos no último ciclo sejam recontratados e tenham que retornar ao Brasil.

GALERIA DE FOTOS

Gostou? compartilhe
COMENTÁRIOS
VEJA TAMBÉM
plugins premium WordPress